Fungo "Orelha-de-pau"

O fungo orelha-de-pau (Polyporus sanguineus), também conhecido como urupê, costuma crescer sobre troncos de árvores. Ganhou este nome por ser muito parecido com uma orelha e com uma madeira (lembrando que se trata de fungo e não uma planta). Este fungo se trata de um decompositor da cadeia alimentar, se alimentando de matéria morta, podendo ser um grande indicador do estado físico da árvore. Normalmente quando encontrado em um troco, indica, na maioria das vezes, que a árvore está comprometida (este processo é muito importante, pois realiza a reciclagem dos elementos químicos encontrados na natureza). A parte externa deste fungo, é denominada corpo de frutificação, o fungo fica localizado no interior do tronco. É possível localizar este fungo em várias regiões do país, apesar da maioria dos fungos não gostarem de luz solar, este se adapta muito bem a regiões tropicais.

17 comentários:

manno sousa disse...

ele é infeccioso em contato com a pele humana?
como se faz para "destruilo" apenas queimando a arvore ou o lugar que ele habita

manno sousa disse...

ele é infeccioso em contato com a pele humana?
como se faz para "destruilo" apenas queimando a arvore ou o lugar que ele habita

Anônimo disse...

obrigado

Silvia disse...

Manno Sousa,

Ele não é infeccioso em contato com a pele. Ele é muito importante, a árvore apodrece e ele começa a decompor, por isso, não convém destruí-lo, pois ele não irá para árvores saudáveis.

Anônimo disse...

como ele se reproduiz ? qual a dificuldade de alimentacao dele ?como ele obtem alimento ?


obrigada !

Anônimo disse...

a sua dificuldade de alimentar e o nao apodresimento de avores ??

Anônimo disse...

a sua dificuldade de alimentar e o nao apodresimento de avores ??

Silvia Teixeira disse...

Ele se alimenta do próprio tronco e sua reprodução é assexuada. Quando ele aparece na árvore significa que a própria árvore está podre, afinal este fungo só se alimenta de matéria morta.

Nat disse...

Esse fungo pode causar alergia?

Anônimo disse...

Ela pode ter efeito alucinógeno?

Anônimo disse...

Ela pode ter efeito alucinógeno?

Vitor Hoffmann disse...

Obrigado isso me ajudou

Lola Ross disse...

Tenho um aqui no meu quintal...isso significa que a minha bela amoreira está comprometida? 😥😥😥

Lola Ross disse...

Tenho um aqui no meu quintal...isso significa que a minha bela amoreira está comprometida? 😥😥😥

Silvia Teixeira disse...

Sim! Infelizmente. :(

Tiago Lopes disse...

Ela pode ter efeito alucinógeno?

Silvia Teixeira disse...

Não, ele não tem, a não ser que ele esteja associado com outro fungo ou bactéria.